11/07/2013

A ciência da informação - produto online

A Internet é um vasto mundo electrónico, com milhões de pessoas online, sempre.



No entanto, é muito fácil para uma pessoa estar online 10 horas ou mais por dia, mesmo que lide com centenas de e-mails, e ainda acabará por se sentir totalmente sozinho.
Este sentimento de isolamento não é bom  e, pior ainda será para o seu negócio.

A boa notícia de hoje é que não existe uma filosofia simples que irá eliminar o isolamento, aumentando o tamanho de sua conta bancária. Essa ideia ...



Enquanto alguns marketers mantêm a velha filosofia de que o negócio online serve apenas para obtenção de tudo o que se puder e o mais rápido que conseguir, posso dizer desde já que isso fica completamente fora da realidade: As pessoas que dão alguma coisa são os que ficam na Internet. Facto.





Quer se trate de um boletim informativo gratuito, um mini-curso de autoresponder, vídeos gratuitos ou um e-book gratuito, você simplesmente tem de dar vindo de si mesmo para outras pessoas algum conteúdo de valor.
Como pode aplicar este conceito para o seu negócio?

Aqui está um método de duas etapas para você começar. Uma vez que começar a dar algo de valor para os outros e desenvolver uma reputação como alguém que dá, alguém que é útil, você não vai precisar de mais  passo nenhum, porque a ordem das coisas assim o permite..


1. Encontre uma necessidade e preencha-a.

Esta fórmula  tem sido responsável pelo sucesso de qualquer negócio ao longo dos séculos do que qualquer outra. Quando você tenta vender algo, você encontra resistência. Quando  tenta ajudar alguém a preencher a sua necessidade, acaba por encontrar uma oportunidade em aberto.

Como pode aplicar? Tente isto.


Primeiro, use o seu conhecimento específico para criar um "produto de informação".
O seu produto de informação pode ser muita coisa. Aqui estão alguns dos formatos mais populares para os produtos de informação:


  • Um artigo
  • Uma série de artigos
  • Uma newsletter
  • Um e-book
  • Um vídeo
  • Um relatório especial
  • Ou qualquer coisa que você goste e ache útil para outros!

Em tempos, isto costumava custar-lhe-ia dinheiro. Hoje em dia,  pode fazer cada uma das coisas anteriormente listadas sem gastar um cêntimo que seja.
Agora, poderá oferecer o seu produto de informação para aqueles que dele necessitam.

Vamos dizer que você é um viajante experiente e sabe como viajar à velocidade da luz. 

Ter esse conhecimento e escrever um artigo sobre como viajar à velocidade da luz. Seja específico. Dizer ao leitor exactamente como coloca uma saia na mala para que  não seja precisa de passar quando formos retirar da mala.  Dar-lhes dicas sobre como poupar tempo quando efectua o check-in no aeroporto.

Agora a abordagem num artigo feito por si, que tenha a haver com viagens e ofereça esse mesmo artigo gratuitamente. Eles lêem o seu artigo e no final do artigo tenha listado o seu nome, endereço de e-mail e web site. Em breve, novos visitantes põem-se a caminho para o seu site. Poderia até mesmo oferecer uma venda especial somente para os leitores do artigo!
A quem mais poderia aproximar-se para dar o seu material gratuitamente? 

Que tal aos proprietários de sites  que vendem passagens aéreas, quartos de hotel com desconto, rent-a-cars, câmaras de comércio locais ... a lista é interminável....

Além de tudo isto, pode publicar o seu artigo no seu blog (e você realmente quer ter um blog!) E adicioná-lo aos directórios do blog também para que esteja visível.



Todas as vezes que o seu artigo seja lido ou que façam download do seu e-book , o seu nome vai lá estar patenteado e seguirá para fora.

Isto é publicidade gratuita no seu melhor: o tipo de publicidade que o dinheiro não pode comprar. Somente quando der algo de conteúdo relevante é que irá receber este tipo de benefício.

Não quero escrever um artigo ou livro? Tente isto.

Tente enviar um e-mail individual a todas as pessoas do seu livro de endereços. Pergunte-lhes o que mais precisam na actualidade. Depois de descobrir o que as pessoas precisam é simplesmente uma questão de encontrar o produto ou serviço que irá preencher essa mesma necessidade. Se encontrar um grupo de pessoas que precisem da mesma coisa que você tem para apresentar,  vai querer considerar com certeza, a criação de um produto para atender a essa mesma necessidade.
Agora, ao invés de se aproximar das pessoas com um determinado produto para vender, você está se aproximando deles como um amigo bem-vindo quem pode ajudá-los a encontrar o que precisam.
Procure saber o que eles realmente precisam e eles compram-no a si. Um clássico "win-win".


2. Criar joint-ventures

As pessoas hoje simplesmente não têm tempo suficiente para fazer as coisas que eles querem fazer. Leve o produto de informação que criou e ofereça a alguém que poderia usá-lo para economizar tempo.
Os editores de "Ezines" estão sempre à procura de artigos livres para colocar nas suas ezines. Eles ficarão felizes em incluir o seu recurso caixa no final do artigo, para que possa ganhar também com isso. Incluir um link de afiliado no seu recurso caixa e terá rendimentos passivos num instante.

As possibilidades são infinitas, o tempo é que não o é. Não se esqueça de agir no passo 1. Ter o material para dar é a chave. A beleza destas abordagens é simplesmente esta: coloca para fora o esforço de uma só vez, e colher os frutos durante meses ou inclusive anos.
Criar algo que possa dar hoje. Dê livremente de si mesmo e será recompensado muitas vezes.